Notícias

Notícias

maio 14, 2021

CJE se aprofunda nos serviços do Sistema FIEPE

Entender como os negócios industriais e a sociedade podem usufruir dos serviços oferecidos pelo Sistema FIEPE. Esse foi um dos motes da reunião realizada pelo Comitê de Jovens Empresários (CJE) da Federação na última quinta-feira (14). Guiada pelo coordenador do grupo, Rubem Martins, o encontro virtual recebeu representantes do SENAI, do SESI e do IEL, que usaram o espaço para mostrar como os jovens empreendedores podem usar a infraestrutura disponível para melhorar a competitividade do seu negócio.

No escopo do SENAI-PE, o diretor industrial interino, Oziel Alves, aproveitou a sua fala para apresentar o Programa Minha Indústria Avançada – MinA, iniciativa conjunta entre a instituição e o SEBRAE-PE, que, por meio da adoção de tecnologias de baixo custo da Indústria 4.0 e de consultorias, pretende alavancar a produtividade de indústrias de todo o Estado ao longo dos próximos três anos.

Em linhas gerais, o MInA consiste na instalação de sensores nas linhas de produção das indústrias, que, por meio de tecnologias como computação em nuvem e internet das coisas (IoT), são capazes de mensurar, em tempo real, informações como quantidade produzida e descartada e tempo de parada de máquinas, números que geram indicadores importantes para a gestão produtiva e acompanhamento da eficiência da empresa. Na ocasião, muitos se interessaram e enxergaram a oportunidade como forma de se destacar no setor produtivo, sobretudo na indústria de confecção, já que uma parte do grupo integra o segmento.

Já Renata Damasceno, gerente do SESI Saúde, apresentou todas as modalidades e os serviços oferecidos pela clínica multidisciplinar, que tem o foco de melhorar as condições e o ambiente de trabalho das empresas, por meio de serviços para a saúde e a segurança do trabalho. Ela aproveitou também para falar sobre as especialidades médicas do SESI Saúde, que, hoje, dispõe de pediatria, cardiologia, oftalmologia, otorrinolaringologia, dermatologia, ginecologia, psicologia e nutrição, além de clínica geral. Os jovens gostaram de saber do que está sendo oferecido, até mesmo para encaminhar os seus trabalhadores e à sociedade para o espaço.

Na parte do IEL, a gestora Juliana Nogueira trouxe um apanhado a respeito dos serviços oferecidos pela instituição, que busca capacitar, recrutar e proporcionar às melhores condições para ampliarem seus níveis de Pesquisa e Desenvolvimento. Ela explicou também como a Seleção Dedicada pode proporcionar à empresa uma contratação eficiente e capaz de atender às demandas do contratante, por meio do estágio, do jovem aprendiz e do profissional. Os serviços do IEL foram elogiados pelos integrantes do CJE que já utilizaram os serviços do Instituto.

Jovem debate:

Nas considerações finais, o coordenador do CJE, Rubem Martins, e o vice, Rodrigo Veloso, aproveitaram a reunião para discutir as novas temáticas do podcast ‘Papo de Negócio’, para dar às boas-vindas aos novos integrantes e também abriram espaço para que um dos participantes pudesse apresentar o seu portfólio e, com isso, gerar networking. Foi a vez de Silvio Oliveira, sócio da Anova Projetos, apresentar sua empresa de consultoria em gestão financeira e processos.

 

compartilhe