Notícias

Notícias

out 17, 2019

Em sua 6ª edição, o Seminário de Gestão propõe debate sobre liderança

Os convidados Ricardo Guimarães e Rossandro Klinjey vão falar sobre suas experiências e cases que nortearam as suas carreiras

Mais do que competência, a liderança é vista como uma prática que pode ser aperfeiçoada para engajar equipes e melhorar resultados. De olho no que propõe a nova economia com relação aos líderes e com intuito de capacitá-los, a Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) realiza o VI Seminário de Gestão com Ricardo Guimarães e Rossandro Klinjey, no próximo dia 22, na Casa da Indústria, em Santo Amaro, das 17h às 21h.

O evento vai propor uma reflexão sobre as constantes transições no mundo corporativo, em razão dos ambientes de imprevisibilidade em que vivem as empresas, e a forma como as empresas cujas administrações são mais tradicionais engessam os seus processos e restringem a capacidade produtiva da sua equipe.

Na visão de Guimarães, a liderança é um processo baseado num conjunto de ações, práticas e diálogos. “Por isso, reforço que a liderança da atualidade não se norteia apenas pela autoridade, mas pela credibilidade, junto aos seus liderados, e pela capacidade de estímulo que o líder entrega diariamente”, destacou.

De equipe, Ricardo Guimarães entende bem. Presidente fundador da Thymus Branding, o especialista desenvolveu projetos para empresas como Natura, Banco Real, Vivo e Carrefour, entre outras. Em sua palestra, ele falará sobre a liderança baseada em valores com o plus da comunicação como exercício da identidade, motivo pelo qual o levou a criar a Thymus.

Já o escritor e psicólogo clínico Rossandro Klinjey vai palestrar sobre as novas exigências e papéis do líder na realidade contemporânea.  Ele, que é fenômeno nas redes sociais, também atua como colunista da Rádio CBN e consultor da Rede Globo em temas relacionados a comportamento, educação e família. Foi professor universitário por mais de 10 anos e hoje se dedica a palestras no Brasil, Europa e Estados Unidos.  O especialista em liderança conversará sobre as dinâmicas das sociedades e os papéis que ocupamos no cotidiano das organizações.

“O líder tem uma profunda importância na gestão de pessoas e na capacitação do capital humano. A má gestão da liderança acarreta insucesso dos objetivos, na falha do alcance das metas e, consequentemente, no fracasso da equipe. Existe, atualmente, uma nova tônica no papel do líder. Ele deve ser proativo, inspirador e competente, enfatizando as vantagens do trabalho em equipe, incentivando a integração entre os membros do grupo como forma de promover e alcançar metas e resultados”, disse. Realizado pela FIEPE e pelo SEBRAE, esta edição do Seminário de Gestão tem patrocínio do Banco do Nordeste.

compartilhe