Notícias

Notícias

set 16, 2019

Negociação coletiva após a Reforma Trabalhista

Diretores e executivos dos sindicatos filiados à Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) participaram da oficina sobre negociação coletiva, nesta quinta-feira (12). Promovido pela Gerência de Relações Industriais da FIEPE em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), o Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA) contou, desta vez, com a instrução do consultor da CNI, Álvaro Moreira.
 
Na oportunidade, Moreira destacou os elementos que influenciam no andamento, no ritmo e na tomada de decisão do acordo coletivo, como analisar com precisão o poder das partes envolvidas na negociação e a ter a visão mais precisa possível sobre suas limitações.
 
Ele falou também sobre a necessidade de avaliar com antecedência e de forma realista os limites de tempo existentes, a capacidade e a necessidade de acelerar ou reduzir o ritmo do processo; e obter o máximo de informação possível para que a negociação no processo seja mais favorável.  “A ideia é que os sindicatos promovam a possibilidade do conhecimento que a reforma trabalhista trouxe para as empresas, promovendo e fortalecendo o associativismo”, contou
 
PDA
A ação faz parte do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA), que estimula a capacitação no setor industrial, resultando em empresas e profissionais mais eficientes e estruturados para desenvolver suas atividades. A Confederação Nacional da Indústria (CNI) é parceira da FIEPE no desenvolvimento do PDA.

compartilhe