Notícias

Notícias

mar 03, 2020

Se é por sua indústria, a FIEPE faz e defende os seus interesses

Entendendo que indústria forte e competitiva é aquela cujos interesses são ouvidos, a Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) e os sindicatos patronais trabalharam, ao longo de 2019, em prol da sua empresa. Na busca pelo equilíbrio econômico-financeiro das nossas indústrias, e mesmo diante das adversidades enfrentadas pelo País, dialogaram com instituições e governos municipais visando melhorar a produtividade de Pernambuco.

Entre os avanços, está a negociação com a Companhia Pernambucana de Gás (Copergás), que visa mudanças na lei estadual do gás, de modo a tornar o ambiente de negócios mais competitivo. Além disso, a FIEPE buscou estreitar as conversas com órgão estaduais para debater o ICMS Mínimo, isonomia, as centrais de distribuição e a capacidade instalada da indústria local.

Outro assunto que mobilizou a entidade em 2019 foi a reforma tributária. Para discutir o tema com o público e empresários, a instituição convidou o ex-ministro da Previdência Social e atual diretor do Centro de Cidadania Fiscal (CCiF), Nelson Machado, e o gerente de Política Fiscal e Tributária da CNI, Mário Sérgio Carraro Telles. Também com esse objetivo, o presidente do Sistema FIEPE, Ricardo Essinger, recebeu o 1º vice-presidente da Câmara, Marcos Pereira, juntamente com os parlamentares Silvio Costa Filho e Ossesio Silva.

Em encontro que reuniu todos os presidentes das Federações do País com o presidente Jair Bolsonaro, Essinger teve a oportunidade de entregar documento com as prioridades econômicas de Pernambuco. Entre os pleitos estavam a retomada das obras da Transnordestina, a autonomia de Suape e a celeridade da reforma tributária.

Se essas ações chegaram até a sua empresa é porque conquistamos o nosso objetivo. Se é por sua empresa e pelo desenvolvimento dos negócios de Pernambuco, a FIEPE e os sindicatos patronais fazem. Portanto, esperamos contar com a sua contribuição em prol da Defesa de Interesse da Indústria, para promover a sustentabilidade necessária aos Sindicatos Patronais, Federação e à Confederação Nacional da Indústria (CNI), a fim de manter as competências institucionais. Ao mesmo tempo, orientamos que as dúvidas e esclarecimentos referentes aos pontos acima descritos sejam solicitados ao seu sindicato ou através do (81) 3412-8432 / industria@fiepe.org.br.

compartilhe