Notícias

Notícias

set 16, 2021

Sistema FIEPE realiza escuta regional no Agreste para planejamento estratégico 2022-2027

A Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) realizou, nesta terça-feira (14), em Caruaru, escuta regional para elaboração do planejamento estratégico que irá nortear as ações das quatro casas do Sistema, composto por SESI, SENAI, IEL e FIEPE, pelos próximos cinco anos. A Unidade Regional Agreste (URA) foi a terceira regional a receber a iniciativa que já realizou as escutas dos empresários de Araripina e Petrolina. A ideia é definir um plano de ações cada vez mais alinhado com as demandas da indústria no Estado como um todo.

O representante da Diretoria na ocasião foi o diretor administrativo Bruno Veloso, que foi responsável pela abertura do encontro. Antes de contribuírem com o planejamento estratégico da Federação, empresários das indústrias de alimentos, plástico, construção civil, vestuário, gráfico, metais e etiquetas, que integram o Conselho Regional, ouviram dos executivos do Sistema a apresentação do campo de atuação, serviços e prioridades de cada uma das instituições, em um novo processo incorporado à iniciativa das escutas regionais.

Após as apresentações, os empresários se dividiram em grupos com formação diversa para analisar cada uma das casas e propor melhorias, levantar demandas locais e sugerir ações que auxiliem no desenvolvimento da indústria, principalmente no interior. O diretor regional da FIEPE, João Bezerra, avaliou como bastante produtivo o encontro. “Receber integrantes da Diretoria e executivos das casas do Sistema em nossa regional é sempre muito proveitoso. É a partir desse diálogo coletivo que temos conseguido avançar e beneficiar a indústria de Caruaru que se fortalece com a FIEPE e com a participação de cada empresário por meio do associativismo”.

Para o diretor administrativo da FIEPE, Bruno Veloso, as escutas regionais são de extrema importância para que o trabalho das casas do Sistema FIEPE seja ainda mais assertivo, especialmente no contexto pós-pandemia. “Saímos com a missão cumprida. Para tudo que foi indicado pelos empresários haverá retorno, vamos trabalhar em cima de cada item e muito será acrescido às atuações das nossas instituições. Aqui, no Agreste, muito foi falado sobre a boa atuação da FIEPE em defesa da indústria, o que mostra que estamos no caminho certo e que o empresário percebe a importância da Federação e colabora para que esse trabalho seja aprimorado”.

compartilhe