Notícias

Notícias

jul 24, 2019

Sistema Indústria busca alternativas sustentáveis para os sindicatos

A diretoria da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEPE) e os dirigentes dos sindicatos filiados conheceram, nesta terça-feira (23), o projeto de Reestruturação da Base Sindical, promovido em parceria com a Confederação Nacional das Indústrias (CNI).

O primeiro momento foi marcado pela apresentação do projeto pelos consultores da CNI, Magnus Apostólico e Emerson Casali, aos diretores da FIEPE. A ideia foi trazer uma metodologia para construir e mediar acordos entre os sindicatos que possam ter interesse em se incorporar, a fim de entregar mais valor às empresas e manter a sustentabilidade dos sindicatos patronais. Isso porque, depois da Reforma Trabalhista, os sindicatos tiveram queda da contribuição compulsória.

“A Federação pode ajudar muito, mas não pode obrigar que isso aconteça, e nem tem essa intenção. No entanto, estamos aqui para apresentar uma metodologia que ajude os sindicatos na busca de resultados e do fortalecimento da base”, disse Apostólico. Ele frisou ainda que a reforma sindical está sendo discutida e a perspectiva é que o debate sobre o tema entre na pauta do Congresso no segundo semestre.

No segundo momento, foram apresentados aos dirigentes sindicais os possíveis cenários, desafios e oportunidades que os sindicatos poderão enfrentar, tendo em vista todas as reformas propostas pelo atual governo.

Participaram da reunião o presidente do Sistema FIEPE, Ricardo Essinger, o 1º vice-presidente, Alexandre Valença, o diretor Administrativo, Felipe Coêlho, o diretor Financeiro da FIEPE, Bruno Veloso, e dirigentes sindicais. O encontro foi organizado pela Gerência de Relações Industriais da FIEPE.

compartilhe